Microcontos e Nanocontos

Escrever microcontos é conseguir expressar uma ideia (um conto) num limite de caracteres. Lembrando que caracteres são letras + pontuação + espaços.

Considero que não seja fácil. Exige do escritor uma habilidade de trabalhar com as palavras de forma que o leitor consiga entender a situação que está contida naquelas pequenas frases.

Os nanocontos partem desse princípio.

Edson Rossatto se dedica a escrever nanocontos com exatos 100 caracteres. É autor do blog Cem Toques Cravados.



Os nanocontos estão para a literatura assim como as tiras estão para os quadrinhos: uma mensagem rápida, de sentido completo e instantâneo, num espaço reduzido (exatos 100 caracteres, neste caso).

Há algum tempo tenho frequentado o blog do Edson e me inspirado.



3 comentários:

Lorena Viana, disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lorena Viana, disse...

Virgínia, gosto de dizer que sou muitas em uma só, às vezes não caibo dentro de mim, de tantos sentimentos, ações que faço... e extravaso em palavras! Um desafio pra mim escrever em 100 caracteres, risos! Mas ainda vou alcançar essa meta. Lembro que quando namora com meu marido, fazia técnico em turismo, então enviamos muitas mensagens, muitas vezes não dava pra falar, mais super complicado, ficava com a mãe calejada. Vou conhecer esse cantinho... e me inspirar por lá!
Uma linda sexta-feira, ao redor de de pessoas amadas.
Beijos.

Marcilane Santos disse...

Nossa, muito legal o trabalho dele e seus nanocontos também são bastante legais e criativos.
Infelizmente o microcontos ilustrados já acabou, mas se houver outros projetos como esse, te aviso!
Beijo**

<< >>